No o app você vê muito mais, e bem mais rápido
Download
Aonde você quer ir?
Você curte Turquia?
Compartilhe com todo mundo
Entrar com Google +

O que fazer em Turquia

1.853 colaboradores

662 lugares que ver em Turquia

Igrejas en Istambul
Santa Sofia
(58)
O exterior de Santa Sofia é de uma monumentalidade assombrosa, mas neste edifício ocorre exactamente o contrário que na Mesquita Azul. Se na mesquita, o exterior é o mais espectacular, em Santa Sofia o interior é mil vezes mais bonito que a sua fachada. Mas isto não significa que deixe de impressionar-nos o seu incrível bom estado de conservação (estamos a falar de uma igreja do século VI, da época do imperador bizantino Justiniano). A sua grande sobriedade externa contrasta com a típica grande igreja cristã ocidental, e recorda-nos mais uma mesquita clássica, onde o interior é o mais importante (a Mesquita Azul seria, por assim dizer, o perfeito anti-exemplo desta situação...). Eu tive a sorte de ficar alojado em frente aos muros do edifício, na zona de Sultanahmet que domina, sem rival, o resto da cidade e tenho uma recordação incrível de passar ao seu lado durante a noite, estando vazia, meio iluminada, e regressar até lá ao meio-dia com uma lata de "sharma" de comida, invadida por centenas de turistas... Muitas caras tem a que foi considerada durante mil anos a igreja mais importante do mundo cristão.
Mesquitas en Istambul
Mesquita Azul
(10)
A mesquita azul, construida pelo sultão Ahmet, deve o seu nome à cor dos seus mosaicos de porcelana. Foi construida no século XVII, na antiga cidade de Byzantium. De ali saíam os peregrinos em direcção a Meca. As decorações murais mencionam o nome de Alá, que os muçulmanos não podem representar com forma humana, com os católicos que pintam Jesus ou Deus. Também há representações do paraíso nos murais do andar superior. É um dos poucos países onde os não muçulmanos podem entrar nas mesquitas. No interior há quatro pilares que sustêm uma enorme cúpula, de mais de 40 metros de altura. Do outro lado da praça encontra-se Aya Sofia, Santa Sofia, uma igreja ortodoxa que foi depois convertida em mesquita, e agora é um museu. Há tapetes magníficos a cobrir o solo, para que os fiéis possam rezar. Os quatro minaretes extendem-se até o céu, e são vistos desde uma grande distância, desde o outro lado do Bósforo. Pedem que tires os sapatos, os deixes à entrada, e que cubras as pernas e os braços.
Centros Comerciais en Istambul
Grande Bazar
O Grande Bazar é um mundo especial, único, diferente e uma mistura de culturas. As luzes da rua das joalharias, o entrar e tocar em alguma que esteja na montra, que têm uma temperatura especial, e o jogo do regateio são experiências que podem viver ali. Além disso, há sempre algum dono que te convida a entrar no seu bar para beber um típico chá turco. Ainda que já não seja o mesmo bazar de há uns anos, melhoraram os bares de dentro que agora são de design. É maravilhoso passear pelas ruas em que podemos ver antiguidades, reparação de calçado, zonas de livros, enfim, cada passo é um momento inesquecível. E depois a tranquilidade com que vendem e com que te chamam à atenção para que observes bem os seus artigos é fantástica. É um lugar que ou vais amar ou odiar. Eu apaixonei-me.
De interesse cultural en Istambul
Estreito de Bósforo
Uma das imagens mais autênticas - e também mais retratadas - do estreito do Bósforo são os seus pescadores pensativos nos cais dos bairros do extrarradio de Istambul. Como num filme da época, quase como nos desenhos animados, os pescadores ajustam a boina, fumam cachimbo, olham o horizonte onde começa o mar Negro e arranjam as suas redes. Para quem gosta de tirar fotografias são a imagem perfeita, não existe melhor retrato que o dos seus rostos pensativos, que contemplam o ir e voltar dos turistas...Que pensarão desde os seus barcos amarrados?
Palácios en Istambul
Palácio de Topkapi
O Corno de Ouro, o Mar de Mármara e do Bósforo ... O Palácio Topkapi é a ponta de lança de Istambul, onde concluirá seus três "mares", um pé na Ásia e outro na Europa. Vale a pena ficar um tempo em um dos bonitos miradores vendo os barcos passarem, observando as pontes suspensas e ouvindo as gaivotas.Como se sentiram os sultões para construir o palácio em um lugar tão único no mundo? A partir de seus miradores compravam os barcos que chegavam da Ásia, coordenavam suas batalhas e impressionavam as visitas exóticas. Pura magia.
Reservas Naturais en Pamukkale
Pamukkale
(35)
A maioria dos viajantes que visitam a cidade de Pamukkale fá-lo pelas suas piscinas de Travertino. Ainda que o acesso até elas e o banho estejam proibidos, vale a pena aproximar-se das piscinas e deambular através das formações calcárias para admirar o azul-turquesa das suas águas, e a brancura da pedra. Chama muito a atenção o contraste entre a paisagem áspera e muito terrestre das piscinas que parecem feitas da neve mais branca. Um sitio muito especial que já os antigos romanos conheciam e utilizavam como zona balnear de verão, pois essas águas ricas em calcário são muito boas para os músculos e tendões.
Monumentos Históricos en Istambul
Cisterna da Basílica
(48)
É a maior das cisternas que remontam ao período bizantino de Istanbul e foi construída em 532 pelo imperador Justiniano. Do lençol de água que cobre o seu fundo emergem colunas que transmitem serenidade e mistério. Uma das atracções principais é a base de duas colunas onde estão esculpidas enormes cabeças de medusas . Altifalantes dispostos por todo o recinto emitem música clássica tornando a visita ainda mais agradável. E nos dias quentes, ao aspecto cultural junta-se o não desprezável factor de ser um oásis de frescura.
Miradores en Istambul
Torre Gálata
Acho que qualquer que pessoa que passe uns dias em Istambul vai sempre se lembrar desta torre que é óptimo ponto para quem se perde na cidade de Istambul, mas falado de um pouco da historia desta torre construída em 1348 era originalmente bizantina mas tinha sido destruída em 1204 mas estava noutro local.
Pontes en Istambul
Ponte Gálata
(2)
Se há um lugar mágico e invocador de Istambul, é a Ponte Gálata. E se há algo único são os seus pescadores. Dia e noite, incansáveis, sempre com o seu sorriso e o seu balde de peixes frescos junto aos seus pés, parece que os pescadores não dormem. Uma fila deles serpenteia a ponte, afastam um pouco os seus anzóis quando os barcos passam pelo Corno de Ouro. Anoitece, e começam a acender as suas fogueiras. É o momento de comer tomates, espargos e verduras grelhadas com aqueles peixes. Os melhores serão para vender em postos de comida ao ar livre, perto das estações dos ferries. Se há magia no mundo, está em Istambul. Se há uma metáfora para exprimir o que esta cidade significa para mim, seriam os seus orgulhosos pescadores de Gálata à meia-noite.
De interesse turístico en Göreme
Passeio de Balão na Capadócia
(23)
Essa talvez tenha sido uma das melhores experiências de toda a minha vida. Um passeio incrível sobrevoando as lindas formações rochosas e os vales da Capadócia, na Turquia. Logo pela manhã, por volta das cinco e meia, a van da empresa de balões veio me buscar no hotel. O horário bem cedo se justifica pelo vento e visibilidade apropriadas. Por isso, todas as empresas realizam os voos por volta desse horário, o que acaba por deixar o passeio mais geladinho. No preço, que na época (em 2009) era 150 euros, estava incluído o transfer de ida e volta mais o passeio. O valor é alto sim, mas acho que vale muito a pena. É uma experiência inesquecível e sensacional. O balão é bem estável e abriga até dezesseis pessoas. Ele chegou à altura de aproximadamente 600 metros onde era possível avistar as nuvens e alguns outros balões. E, em outros instantes, estávamos bem perto do chão, passeando entre os vales, tocando nas árvores e vendo bem de perto toda a paisagem. O passeio dura cerca de meia hora, e ao final, uma equipe te recepciona com o transfer de retorno e uma festinha quase que particular com direito a champagne e certificado de voo. Mas é impossível não ficar com gostinho de “quero mais”.
Feiras en Istambul
Bazar das Especiarias - Bazar Egípcio
(27)
Quando estiveres em Istambul, uma cidade que tem um "pé" na Europa e outro na Ásia, a única cidade em todo o mundo construída em dois continentes, uma vez que tenhas saído da parte asiática por uma das muitas pontes que atravessam o Bósforo, irás encontrar um edifício antigo ao qual não podes deixar de ir: o Mercado das Especiarias. É muito interessante entrar e caminhar pelas "ruelas" cheias de pessoas de todas as nacionalidades, cheias de negócios, normalmente postos abertos que expõem as suas mercadorias, não apenas Especiarias. Ficas zonzo com tanta variedade e tantos preços. Se decidires comprar alguma coisa para comer ou um objecto típico para oferecer, digo-te já, não te esqueças de regatear... Isso faz-se lá como em qualquer parte do mundo.
Monumentos Históricos en Selçuk
Éfeso
(21)
Éfeso é uma das grandes maravilhas da época clássica, é a cidade mais bem conservada de todo o Mediterrâneo Oriental e nela, o visitante esquece-se da realidade e pode comprovar com os seus próprios olhos como era a vida na época romana. Na antiguidade, esta cidade tinha um grande poder comercial e era um centro de culto a Cibeles, a deusa da fertilidade, que posteriormente passou a ser Artemisa. Quando os romanos conquistaram o lugar, Artemisa converteu-se em Diana e Éfeso foi nomeada capital provincial. De todas as ruínas que se conservam, o que mais se destaca é a biblioteca de Celso. Celso Polemeno foi um governador da Ásia Menor a princípios do século II, e o seu filho, o cônsul Tiberio Julio Aquila, quis prestar-lhe uma homenagem depois da sua morte, no ano 114, construindo esta biblioteca. Na antiguidade continha 12.000 pergaminhos e milhares de valiosos manuscritos. Este edifício foi restaurado e as estátuas encontram-se em Viena, no museu de Éfeso. Durante a visita, encontramos-nos com o ginásio de Vedio e o estádio. Ambos se construíram no século II e a sua conservação viu-se deteriorada pelos terremotos. Depois pode-se ver a Igreja da Virgem Maria, também conhecida como a Igreja Dupla. O edifício original era um museu e uma sala das musas. Foi destruído num incêndio e reconstruído para ser utilizado como igreja no século IV. Outro dos lugares destacados é o Grande Teatro, que foi reconstruído pelos romanos entre os anos 41 e 117. Actualmente, continua a ser utilizado para representações. Éfeso também conta com uma Via Sacra e com mais templos, termas e ginásios. É um lugar espectacular que nos ajuda a conhecer de perto a História. Tarda-se muito tempo em visitar tudo, porque é de grandes dimensões e se pretendem ir no Verão, aconselho-vos que levem uma boné para proteger do sol e sobretudo levem muita água.
Mesquitas en Istambul
Mesquita Süleymaniye
(27)
É uma das Mesquitas mais bonitas, famosas e visitadas em Istambul, é impressionante pelo seu grande tamanho, pelos seus belos azulejos que decoram o mihrab, os vitrais pelos quais atravessa a luz e pelas suas imensas colunas. São seis minaretes e a cúpula principal de 27 m de diâmetro. Foi construída entre os anos de 1520 e 1566 pela ordem de Solimás um dos sultões mais ricos e poderosos da história.
De interesse turístico en Nevsehir
Chaminés das fadas e outras formações da Capadócia
(18)
Ao longo da nossa viagem pela Turquia, ficamos enfeitiçados pela beleza da Kapadokia. Nesta (quase desértica) paragem, as erupções vulcânicas e a caprichosa erosão durante o passar dos séculos, formou uma paisagem de sonho, de conto de fadas. É impossível descrevê-lo com palavras, e muito menos com imagens, pois não conseguem mostrar o que a vista e o momento deliciam a alma. De todas as formas ofereço-vos estas fotos, tiradas a partir de um balão de ar, para que tenham uma pequena ideia.
Mesquitas en Istambul
New Mosque
(11)
A Mesquita Yeni Camii em Istambul foi projectada pelo arquitecto Da'ud Aga, um aluno do Sinan, sendo este projecto apoiado pela mãe do sultão Mehmet III, Valide Safiye. A construção deste espaço de culto foi-se arrastando durante décadas uma vez que para além de infiltrações de água surgiram também problemas de financiamento. Acabou por ser concluída com o apoio de uma nova Rainha, a mãe de Mehmet IV, Turhan Hattice Valide Sultan. Fica no coração de Istambul, junto à Ponte Gálata e ao Bazar das especiarias. O imponente exterior consiste de um enorme pátio, dois minaretes finos, e uma cascata de cúpulas que envolvem a cúpula central. Valide Sultan Turhan Hattice, o sultão Mehmet IV, Mustafa II, Ahmet III, e Mahmut I encontram-se enterrados no pátio. O interior é decorado com azulejos de Iznik, ouro e mármore. O acesso ao interior da Mesquita é grátis, no entanto existem regras que devem ser cumpridas: Todos os visitantes se devem descalçar e as senhoras devem tapar a cabeça com um lenço em sinal de respeito pela religião muçulmana.
Ruínas en Selçuk
Library of Celsus
(6)
Ao chegar a Éfeso, na Turquia, deleite-se com o que os romanos deixaram como legado, quando dominaram estas terras distantes, de fato a idade de ouro da cidade. Éfeso é um gigante museu ao ar livre .... Andar pela Ágora alta e baixa ....., passar pelo maior anfiteatro da antiguidade, com capacidade para 30.000 espectadores, pela impressionante entrada da Biblioteca de Celso, o que resta do Templo de Artemis, no caminho ladeado por magníficas colunas de mármore, por outro anfiteatro menor, o Odeon, e até mesmo pelo restante de um banheiro público, como pode ver nas fotos em anexo. Dizem que sempre faz calor, e, claro, no dia em estive fazia muito, por isso não se esqueça de cobrir a cabeça e trazer bastante água para beber. Você vai adorar.
Igrejas en Istambul
Cidades en Göreme
Göreme
(7)
O momento mais mágico do dia em Göreme é quando o sol está indo, e, em seguida, suas belas chaminés de fadas e rocha e suas casas na rocha se iluminam. As ruas, as 22.30 hs já estão desertas, e tem apenas alguns mochileiros caminhando pelas ruas. Essas ruas em silêncio que se enchem de mistério, que podiam ser de cenário de qualquer conto fantástico de nossa infância. Não seria estranho encontrar a uma hora dessas com alguma bruxa, gnomo ou anão. A beleza é tanta que qualquer coisa que se fotografe resultará espetacular. Vale a pena vir a Capadoccia só pra ver esse povoado de noite. Um lugar incrível e que não se parece a nada com que eu já vi antes.